* A loja do Portal Brasileiro de Turismo 'Visite o Brasil' *

Exercício em casa: 7 elementos que te ajudarão a entrar em forma

Academias são consideradas ambientes de alto risco de infecção por vírus, então, normalmente, são ambientes que sofrem com as restrições de funcionamento, interferindo na rotina de exercícios físicos das pessoas.

Porém, isso não deve ser motivo para interromper as atividades físicas. É possível adaptar os treinos com aparelhos com alguns objetos que você pode encontrar em promoção na Black Friday para se manter longe do sedentarismo.

Elencamos algumas dicas para montar uma mini-academia para qualquer tamanho de casa. Lembre-se que manter o corpo ativo melhora sua saúde física e mental, além de melhorar a imunidade.

1 - Halteres

Halteres são itens de academia muito versáteis e que podem funcionar para vários grupos de músculos, como os braços, ombros, costas, peito e até coxas. Sim, você pode usar os halteres, normalmente usados para exercícios de braços, em mais de um agachamento, por exemplo.

Mesmo que você esteja trabalhando com objetivo de melhorar a hipertrofia muscular, saiba que ter uma dupla de halteres e manter a constância nos exercícios manterão seu músculo e evitarão perda de massa magra.

2 - Esteira ou colchonete

Elemento importante para uma série intensa de abdominais, exercícios de isomeria ou para uma sessão de yoga e alongamento, é importante ter uma esteira ou colchonete que proteja suas costas e ajude a evitar acidentes por escorregões.

Caso tenha histórico de sensibilidade nas costas, é possível comprar colchonetes de alta densidade, que oferecem maior proteção em exercícios realizados no chão. É importante se exercitar com segurança.

3 - Faixas elásticas

Grandes aliadas de todos os treinos e que podem substituir halteres e tornozeleiras, as faixas elásticas vêm nas mais diversas resistências, de modo que servem para os mais variados exercícios, seja de construção de força e músculo, repetição ou aeróbicos com finalidade de perder peso. O melhor de tudo é que as faixas elásticas ocupam praticamente nenhum espaço, além de oferecerem muitas possibilidades de uso para todos os grupos musculares do corpo.

4 - Aplicativos

Se você busca instrução em yoga ou guias de circuitos funcionais (para iniciantes e veteranos), existem aplicativos pagos e gratuitos que oferecem treinos guiados com boas explicações gráficas sobre como executar corretamente os movimentos.

O aplicativo Down Dog foi um dos mais elogiados durante este período de crise sanitária no Brasil e em outros países. Oferece opções de treinos HIIT, yoga, meditação e barre. Canais do YouTube (como Pri Leite Yoga) oferecem cursos online e gratuitos para todos os níveis de performance.

5 - Monitores de atividade física

Smartbands e smartwatches podem ajudar você a manter uma meta mínima de exercícios físicos — seja para monitorar a intensidade dos exercícios (alguns marcam os passos ou quilometragem de uma corrida, por exemplo), seja para verificar se alcançou a faixa de batimentos cardíacos indicada para o seu treino.

Com versões mais simples de smartbands e monitores cardíacos, até um smartwatch compatível com seu smartphone, esses aparelhos ajudam a monitorar até a qualidade do seu sono, além de permitirem que você atenda a chamadas. Esses wearables são grandes aliados na hora de deixar o sedentarismo de lado.

6 - Aparelhos

 Caso você não pretenda retornar à academia e esteja preferindo a ideia de poder se exercitar no conforto do seu lar, sem ninguém olhando, investir em aparelhos pode ser uma boa opção.

Sejam as tradicionais bicicletas e esteiras ergométricas, até estações de musculação completas, é possível comprar (ou alugar) aparelhos profissionais de academia pela internet. Ficar em casa definitivamente não vai mais prejudicar sua rotina de exercícios. Invista nos produtos certos e mantenha-se ativo!

 Imagem gratuita extraída do site Pixabay

Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados